Deputados tomam Posse na Alerj

Os deputados estaduais eleitos pelo Rio de Janeiro foram empossados na tarde desta sexta-feira (1º), em cerimônia no Palácio Tiradentes, sede da Assembleia Legislativa (Alerj).

O governador Wilson Witzel e o vice Claudio Castro participaram da solenidade, que começou às 15h30, e é presidida pelo deputado André Ceciliano (PT), presidente em exercício da Alerj.

Seis dos parlamentares eleitos estão presos e, por esse motivo, não participaram da cerimônia. Uma reunião da Mesa Diretora deverá decidir neste sábado (2) como fica o mandato desses deputados na nova legislatura.

Cinco dos parlamentares foram presos na Operação Furna da Onça, desdobramento da Lava Jato no RJ.
São eles: André Corrêa (DEM), Chiquinho da Mangueira (PSC), Luiz Martins (PDT), Marcos Abrahão (Avante) e Marcus Vinicius Neskau (PTB). O sexto deputado eleito impedido de ser empossado é Anderson Alexandre (Solidariedade), que foi preso em operação do Ministério Público estadual.

Deputado Estadual Felippe Poubel (PSL) e Major Fabiana, Deputada Federal (PSL)

O deputado Filippe Poubel (PSL) ao ter o seu nome lido respondeu: “Bolsonaro Presidente”, e foi aplaudido. Poubel destaca-se como principal oposição ao PT e aos partidos de esquerda na Alerj e chegou a ser cogitado pelo PSL à presidência da câmara.

Ex-vereador de Maricá, chegou a levar uma pedrada na cabeça por um militante enquanto realizava um comício na cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *